Nocode
May 11, 2022

A inevitável revolução nocode

Em pouco tempo, existirão mais desenvolvedores #nocode no mundo do que a soma de todos os desenvolvedores tradicionais de hoje.

A inevitável revolução nocode

Essa pode ser uma notícia atordoante para o pessoal de desenvolvimento. Mas a verdade é que em pouco tempo, existirão mais desenvolvedores #nocode no mundo do que a soma de todos os desenvolvedores tradicionais de hoje.

Mas não se preocupe, desenvolvedor tradicional, o seu trabalho será mais valioso do que nunca. Mas disso eu falo em outro post.

Para entender isso, é importante entendemos a diferença entre um desenvolvedor e um desenvolvedor cidadão, aquela pessoa que consegue criar pequenos sistemas, facilitará a própria vida e a vida daqueles perto dela, utilizando ferramentas que não demandam um conhecimento profundo de código para gerarem valor para uma corporação ou uma empresa.

O que é código?

Voltando lá pro início, é importante entendermos o que é código. Código é a maneira que encontramos de comunicar as nossas intenções para uma máquina, fazer ela entender quais são as responsabilidades dela e como exerce-las.

O código é uma linguagem, por isso se chama de linguagem, porque é uma forma de comunicação entre o ser humano e a máquina, que esclarece para a máquina a sua função no nosso mundo.

Bem lá no comecinho da computação, o código era algo muito novo, e os computadores também. Por isso tudo era mais complicado, as linguagens, as estruturas, não existia nenhum tipo de trampolim para ajudar o desenvolvedor a eliminar tarefas repetitivas.

Pra você entender melhor, vamos pensar assim; todos os sites tem uma página de cadastro, todas as páginas de cadastro são basicamente iguais.

Hoje em dia, você pode criar uma página de cadastro em cinco minutos, utilizando bases pré construídas. Mas naquele tempo, cada cadastro que você fizesse precisava ser feito do zero, e codificado até a perfeição. Por isso digo que não existiam atalhos, tudo era feito e refeito diversas vezes.

Isso fazia com que o conhecimento necessário para criar algum tipo de aplicação era restrito, difícil e gerava mais dificuldade do que facilidade. Tudo isso mudou.

O que é um desenvolvedor?

A grande mudança acontece quando pensamos nos conceitos que definiram a função desenvolvedor. Tradicionalmente, o desenvolvedor é aquele capaz de utilizar código para criar um software que vai gerar valor para um grupo de pessoas. Trocando em miúdos, o desenvolvedor é aquele que transforma uma ideia em algo que o computador consegue realizar.

Até hoje, esse profissional estava relacionado direta e unicamente atividade de utilizar código, uma linguagem específica, para fazer o computador realizar as tarefas necessárias. Isso não é mais uma realidade manda tório, hoje podemos desenvolver sem utilizar código, isso é uma revolução.

Portanto nasce a pergunta, o que é um desenvolvedor nos dias de hoje?

Isso nos leva a pensar no conceito de realização e ferramenta. A realização de desenvolvedor é conseguir fazer com que uma máquina entenda sua intenção e execute de acordo. A ferramenta para isso era o código, hoje não é mais. Por isso, é possível que você já sejam desenvolvedor mas ainda não saiba.

Eu posso me definir como desenvolvedor?

Você já fez uma fórmula de excel super complicada que te ajudou a gerar um dado valioso? Você já usou o PowerPoint como forma de demonstrar o design de um site ou uma funcionalidade? Ou será que você já foi longe, utilizou uma integração para publicar no Facebook ou em qualquer outro canal?

Todos estes são exemplos de desenvolvimento #nocode. Pessoas comuns, com problemas a serem resolvidos, que descobri uma forma de facilitar a sua vida através de ferramentas que já existem, sem código, mas gerando valor.

Portanto, hoje em dia, ser um desenvolvedor é simplesmente ser capaz de extrair o valor de um computador, sendo via código ou via a utilização de uma plataforma em nuvem. Se você é capaz de encurtar o tempo e melhorar a qualidade do seu trabalho através de uma ferramenta, e você trabalha somente com isso, você pode se considerar um desenvolvedor.

Mas se você utiliza essa Estratégia para ajudar seus colegas de time, empresa ou seu próprio trabalho, você também pode se qualificar como um cidadão desenvolvedor, e você é parte do futuro da tecnologia, parabéns.

Mario Campello
Mario Campello
CEO da Codenuts
Follow us on:

Coloque seu software no ar em menos tempo.

Conheça os profissionais #nocode da Codenuts e comece já.